Domingo
24 de Maio de 2020 - 

Controle de Processos

Insira seu usuário e senha para acesso ao software jurídico

Notícias

Museu do TJSP lança exposição virtual

Mostra integra programação da 18ª Semana de Museus.   O Museu do Tribunal de Justiça de São Paulo lançou hoje (19) a exposição virtual Palácio da Justiça. A mostra celebra o centenário do assentamento da pedra fundamental do monumento arquitetônico, em 24 de fevereiro de 1920. Além do centenário da sede da Corte paulista, a exposição on-line marca também a participação do TJSP na 18ª Semana Nacional de Museus, de 18 a 24 de maio, que teve sua forma de programação alterada para o meio virtual devido ao fechamento temporário das instituições culturais frente à pandemia da Covid-19. A exposição traz fotografias e documentos da época que contam parte da história, concepção, projeto, construção e tombamento do Palácio da Justiça, o Templo de Têmis. Em ordem cronológica, a mostra virtual apresenta o surgimento do Tribunal da Relação de São Paulo e Paraná, criado em 1873 e instalado um ano depois na província de São Paulo, o projeto de elaboração e execução das obras de construção do Palácio da Justiça, referendado em 1911, e o lançamento da pedra fundamental, ocorrido em 1920, marcando também o início da obra, inaugurada totalmente em 25 de janeiro de 1942. Desde 1981, o Palácio da Justiça é tombado pelo Condephaat como patrimônio histórico por seu significado cultural e arquitetônico, bem como pelos mais nobres ideais do Direito e da Justiça.  O público também poderá visualizar imagens marcantes das obras de fundação do prédio, detalhes do projeto, da construção e personagens importantes que fizeram parte deste período, como o conselheiro Tristão de Alencar Araripe, primeiro presidente do Tribunal da Relação de São Paulo e Paraná. A colher de pedreiro utilizada no assentamento da pedra fundamental também é parte da exposição. Na fotografia, pode-se ver a inscrição gravada na colher: “O Governador de São Paulo inaugura para o serviço da Justiça na terra paulista as obras deste Palácio em 24 de fevereiro de 1920”. Acesse a exposição aqui.   O Museu da Justiça – Inaugurado em 1º de fevereiro de 1995, no Palácio da Justiça, o Museu do Tribunal de Justiça, tem por principal objetivo preservar e pulgar os elementos materiais relacionados à vida e tradições do Poder Judiciário Paulista. Pela montagem de núcleos permanentes e exposições temporárias, cumpre a importante missão de preservar para as novas gerações a história e os objetos ligados à evolução do Poder Judiciário Paulista. Desde 2007, o Museu da Justiça encontra-se sediado no Palacete Conde de Sarzedas, onde mantém importantes coleções atinentes à criação e evolução do Poder Judiciário paulista, bem como dois núcleos de exposições permanentes, localizados no Palácio da Justiça, “Sala Desembargador Emeric Levai” e “Espaço Cultural Poeta Paulo Bomfim” . Exposições temporárias – itinerantes são inauguradas junto à “Sala dos Passos Perdidos” – hall de circulação principal da Sede do Poder Judiciário.   Vale destacar – A Semana Nacional de Museus, evento coordenado pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), que ocorre anualmente na esteira da celebração do Dia Internacional dos Museus e criado pelo Conselho Internacional dos Museus (ICOM), busca conscientizar a população da importância dos espaços culturais para a preservação da memória e história da sociedade, além de fomentar a visitação aos museus e sua valorização.   imprensatj@tjsp.jus.br   Siga o TJSP nas redes sociais:  www.facebook.com/tjspoficial www.twitter.com/tjspoficial www.youtube.com/tjspoficial www.flickr.com/tjsp_oficial www.instagram.com/tjspoficial
19/05/2020 (00:00)
Visitas no site:  1543653
© 2020 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia